menu
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.

Novos nomes da música nacional montam a playlist brasileira dos sonhos

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

Mariane Zendron

Colaboração para o UOL, em São Paulo

12/03/2018 11h40

Mais de 20 artistas brasileiros pisaram no palco do Heineken Block durante os oito dias do evento grátis na Vila dos Ingleses, no centro de São Paulo, que terminou neste domingo (11). O UOL conversou com seis deles – Assucena Assucena e Raquel Virgínia, de As Bahias e a Cozinha Mineira; Johnny Hooker; Evandro Fióti; Preta Rara e Rael – para saber quais outros artistas brasileiros não podem faltar na playlist de qualquer bom cidadão.

As Bahias e a Cozinha Mineira

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

"A Mulher do Fim do Mundo" de Elza Soares - Ela é umas das maiores artistas que o mundo já produziu. É contemporânea, moderna, tanto na temática, quanto na escolha da composição do disco. Além disso, toda a sensibilidade dela está expressa de forma muito bonita.

"Tu" de Tulipa Ruiz - Acho que é o melhor disco dela. Ela está cantando como nunca. Regravou canções de "Efêmera" e está muito lindo.

"Leo" Clube da Esquina - É melancolica, mas é perfeita.

Raquel Virgínia

"Sorriso Aberto" de Jovelina Perola Negra - Estou descobrindo melhor agora e eu estou gostando bastante. É um dos timbres mais bonitos que já ouvi. Tem força e também muita sutileza.

"Território Conquistado" de Larissa Luz - Estou ouvindo muito.

"Aquarela do Brasil" de Gal Costa - Ela cantando Ary Barroso é bonito demais. É um álbum bem escolhido tanto em termos de repertório, quanto de sutileza do canto. Ela tinha dez anos de carreira e já tinha mudado bastante desde que começou.

Johnny Hooker

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

Dona Onete - Eu sou apaixonado pelo Pará e ela é uma figura icônica. Além de ser estudiosa da música, ela é uma entidade do carimbó.

Tropikllaz - Acho muito autêntico e original.

"Gasolina" de Teto Preto - Representa inferninho de São Paulo, a noite paulistana.

Evandro Fióti

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

Drik Barbosa - Sempre gostei dela participando do trabalho de outros artistas e agora ela tá com gravação própria. Ela é uma das grandes MCs em atividade, como Carol, como Tassia Reis. Mesmo sendo muito jovem, ela tem uma mente muito boa.

Baco Exu do Blues - Esse artista foi uma surpresa. Conheci agora com esse primeiro álbum. Comecei a ouvir as ideias, o flow, o jeito que ele rima, a forma que ele monta a linha de raciocínio e é muito bom. É como se fosse uma viagem.

Xenia França - Acho que ela vai despontar como uma das maiores cantoras do Brasil. Sempre gostei muito do trabalho dela e a acompanho desde que ela chegou em São Paulo, trabalhando como modelo e sempre se preparando para o momento musical. Eu gosto que ela consiga prender o ouvinte de outra forma, não só na voadora. Você ouve desatento e acha que ela não está falando nada e ela esta falando muita coisa.

Preta Rara

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

Yas Werneck - Descobri recentemente e é uma mina canta rap do Rio de Janeiro. Ela vem com outro flow (maneira de cantar) e com letras muito legais. Estou há 12 anos na caminhada do rap e gosto de acompanhar quem está chegando.

Jovelina Perola Negra - Ela dialoga com as coisas que eu vivo. Ela falava da solidão da mulher negra em 1982, que é uma coisa que a gente fala muito hoje.

"Boca" de Curumim - Ele é um baita instrumentista, cantor, compositor. Parece que que ele é muito bom em tudo o que ele faz.

Rael

Edson Lopes Jr./UOL
Imagem: Edson Lopes Jr./UOL

"Concret Jungle" da Céu - Sou muito fã do trabalho dela e depois que ela fez essa versão do Bob Marley, tocou meu coração. Céu é maravilhosa e tem um timbre de voz único.

Rincon Sapiência - É um cara que eu conheço há mais de 10 anos. Ele já fazia um som na Galeria Olido, em São Paulo. A galera acha que ele é uma revelação, mas ele já está há um tempo na estrada. Estou muito feliz de acompanhar o novo trabalho dele. Essa coisa da auto-afirmação do negro. Ele tem um estilo legal, sereno

"Melanina" da Drik Barbosa - Gosto muito dessa música que ela gravou com o Rincon e eu estou ansioso para ouvir o novo EP dela que sairá em breve.

Mais Cultura e lazer