menu
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.

Bike Itaú está de cara nova; saiba o que mudou e veja como se inscrever

Do UOL, em São Paulo

20/04/2018 00h01

Bem conhecida dos paulistanos, a iniciativa de aluguel de bicicletas Bike Sampa, patrocinada pelo banco Itaú, passou por um período de reformulação e está de cara nova. Desde o começo do ano, estão sendo implementadas estações e disponibilizadas novas bikes -- no momento, são 25 pontos de retirada e 250 bicicletas.

Com apoio da Secretaria Municipal de Transportes de São Paulo e tendo a empresa tembici. como operadora, a Bike Sampa tem previsão de, até o fim deste semestre, inaugurar 260 pontos de retirada na cidade com 2.600 bicicletas. Abaixo, a gente explica um pouco o que mudou e como fazer para aproveitar as ciclofaixas e ciclovias da cidade com as bikes laranjinhas.

O que muda?

As bicicletas estão mais robustas, com marchas para três velocidades, e contam com um dispositivo de trava antifurto. Estão mais potentes, ergonômicas e leves. Nas estações, agora há uma média de 18 vagas. Pelo aplicativo, é possível planejar a rota considerando informações de distância e elevação.

Já como novidade no acesso, há a possibilidade de comprar um plano diretamente em algumas estações (cerca de 30% delas), porém, não há mais a gratuidade na primeira hora: é necessário eleger um plano. O cadastro para adquirir um deles pode ser feito pelo site, por aplicativo de celular (Android e IOS) ou nos estações com autoatendimento.

A compra de um plano dá direito a viagens ilimitadas de até uma hora, com intervalos de 15 minutos entre elas. Se você esquecer e ficar mais de uma hora, ou se a regra do intervalo não for respeitada, há uma cobrança de R$ 5 reais por hora a mais.

Os planos custam de R$ 8 (diário) a R$ 160 (anual) e podem ser comprados com cartão de crédito ou dinheiro -- neste caso, pagos diretamente na sede do Bike Sampa (rua José Bento, 314, Cambuci, São Paulo), de segunda a sexta, das 8h às 17h, portando um comprovante de residência.

Todos os planos dão direito ao cartão do usuário Bike Sampa, que é opcional, mas agiliza a retirada da bicicleta e custa R$ 5. O usuário também poderá cadastrar seu bilhete único ou usar o aplicativo para retirar as bicicletas nas estações. 

O sistema do Bike Sampa funciona diariamente, das 5h às 23h. No site oficial é possível ver todas as possibilidades de plano, as estações disponíveis, onde há totem de atendimento e tirar dúvidas.


LEIA MAIS

Mais Cultura e lazer