menu
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.

Dez doces gringos que os brasileiros precisam importar

Adobe Stock
Kalter Hund, um doce típico alemão Imagem: Adobe Stock

Luiza Sahd

Colaboração para o Urban Taste

15/11/2018 04h00

Não é que o Brasil tenha pouca oferta de sobremesas maravilhosas pra gente comer de joelhos, mas o mundo é tão grande que às vezes, um sabor novo pode cativar o turista desavisado para sempre.

A solução? Importar, pra ontem, essas delícias gringas.

Dragon Beard Candy (China)

Viscosa e muito, muito gostosa. O doce Barba de Dragão é um dos símbolos gastronômicos da China. Inventivo sim, mas gostoso também, porque é feito com açúcar e xarope de maltose misturado ao amendoim, semente de gergelim e coco. Não tem como dar errado.

Cuajada con Melao (Colômbia)

Essa delícia colombiana não tem nada de melão. O melao em questão é uma maneira própria de pronunciar melado e denuncia do que estamos falando: uma espécie de requeijão bem delicada com calda de xarope de cana doce. Quase uma variação do nosso Romeu e Julieta!

Dacquoise (França)

A França nunca decepciona na sobremesa, mas dacquoise é um caso à parte. Uma espécie de sanduíche de um merengue de nozes (ou avelã) recheado de creme doce suave, que pode ou não ser servido com morangos ou frutas vermelhas. A variedade de texturas brilha muito nesse docinho.

Baklava (Turquia e Grécia)

É pistache que você quer, @? Na Turquia, a receita (que também é sucesso na Grécia com pequenas variações) tem uma massa delicada de nozes e mel. No recheio, além de pistaches, você também pode encontrar amêndoas, avelãs e outros frutos secos.

Melkert (África do Sul)

Como a gente não pensou nisso antes? Os sulafricanos fazem magia usando apenas leite, baunilha, ovos, canela e farinha. É como se fosse uma versão torta do nosso arroz doce.

Kalter Hund (Alemanha)

Ganache de chocolate meio amargo. Bolacha maria. Mais ganache. Mais bolacha. Simples e parecido com o nosso pavê de chocolate, o Kalter Hund é uma tradição alemã que a gente deveria importar com muita urgência

Pumpkin Pie (EUA)

A torta de abóbora norte-americana, geralmente consumida nas Festas de Ação de Graças, pode parecer uma receita polêmica num primeiro momento. Depois da primeira garfada, a gente lembra sobre como o nosso bolo de cenoura, que também é feito de legume, fica maravilhoso.

Nieve de Garrafa (México)

Não se engane com essa aparência de raspadinha. A neve de garrafa mexicana é feita com frutas frescas, açúcar, sal e gelo. Perfeita para quem tá com calor, gosta de um docinho mas não pode com laticínios, a neve de garrafa é a versão "raiz" dos sorbets gourmet!

Zabaione (Itália)

Apesar da aparência de sopinha, o zabaione é uma creme italiano perfeito para combinar com o que a imaginação mandar: frutas, chocolate, bolachinhas, sorvete. A receita à base de ovos e vinho tem o equilíbrio perfeito entre suavidade e doçura.

Khanom Chan (Tailândia)

Uma das sobremesas mais tentadoras da Tailândia é feita com farinha de arroz, de tapioca, leite de coco e água de jasmim. A textura gelatinosa é perfeita para destacar o sabor de cada um dos itens enquanto a gente planeja comer os próximos cinco.

Veja também:

Mais Cultura e lazer