menu
Topo

Cultura e lazer

Viva a cidade. Saboreie experiências.


Nove programas para começar o ano com o pé direito em São Paulo

Adobe Stock
Vista aérea do centro de São Paulo Imagem: Adobe Stock

Luiza Sahd

Colaboração para o Urban Taste

01/01/2019 04h00

Se você escolheu ficar na capital paulistana durante as festas de fim de ano, deve estar sentindo que a cidade, agora, é um pouco mais sua do que o normal. O trânsito praticamente não existe, as filas não são imensas em quase nenhum comércio e o mesmo serve para atrações culturais que geralmente estão lotadas: nos primeiros dias do ano, vários cantinhos de São Paulo ficam mais agradáveis.

Para aproveitar o descanso e começar o ano com energias renovadas, que tal fazer um (ou vários) destes passeios e começar 2019 com o pé direito?

Café da manhã orgânico no Parque da Água Branca

Dizem que um dia feliz precisa começar com um bom café da manhã. Pois o Parque da Água Branca é um dos cenários mais deliciosos da cidade nesse quesito, com um brunch orgânico e feirinha de produtos naturais para deixar o sábado de qualquer paulistano estressado mais leve.

Vai lá:
Avenida Professor Francisco Matarazzo, 455

Museu da Pessoa

Se você já quer começar o ano fazendo um programa diferentão, que tal visitar um museu totalmente dedicado a vida de pessoas comuns? No Museu da Pessoa, qualquer visitante pode ler ou contar histórias próprias para os próximos visitantes. Vale demais a experiência!

Vai lá:
R. Natingui, 1100 - Vila Madalena, São Paulo.

Escola de Astrofísica

O Parque do Ibirapuera é cheio de surpresas. Uma delas é a Escola de Astrofísica Professor Aristóteles Orsini, que oferece cursos gratuitos para amantes de astronomia com qualquer grau de conhecimento. Começar o ano observando as estrelas nunca é má ideia.

Vai lá:
Av. Pedro Álvares Cabral, s/n, portão 10 (para pedestres) ou portão 3 para estacionamento

Stand Up Paddle na Billings

Então quer dizer que você não pulou 7 ondinhas e ficou triste? Não fique. Um bom passeio para refrescar o corpo nessa época do ano é a represa Billings. Por lá, a boa é alugar um Stand Up Paddle e praticar esporte enquanto curte a paisagem ou brinca com o grupo de amigos.

Templo Budista do Grajaú

Se a ideia é começar agradecendo e cuidando da espiritualidade, o Templo Budista do Grajaú é um baita passeio: paisagem linda e muita história por trás das construções orientais que podem ser visitadas sempre aos domingos.

Vai lá:
R. Rio São Nicolau, s/n- Jardim Campinas, São Paulo.

Feira Kantuta

Se você ama a cultura latino-americana, a Feira Kantuta pode e deve te surpreender. Todos os domingos, a feira vira um reduto boliviano em plena capital paulistana. A música, a gastronomia e a arte da Bolívia são inesquecíveis.

Vai lá:
Praça Kantuta, 924 - Canindé

Jardim do Rock

Quem achou que a Galeria do Rock era só um edifício de concreto cheio de lojas e consumo e símbolos da civilização paulistana, achou errado. O lugar tem um lindo jardim com uma vista bem bonita do centro de São Paulo. As visitas precisam ser agendadas com antecedência pelo site.

Vai lá:
Av. São João, 439 - 5º andar

Rapel na Avenida Sumaré

Se o seu negócio é começar 2019 enfrentando medos ou apostando na adrenalina, o rapel na ponte da Avenida Sumaré é uma aventura que vale a pena inclusive para ver a cidade de novas perspectivas. A brincadeira custa a partir de R$ 54 e para agendar é só acessar este site.

Feira Cultural Leste Europeia

Começar o ano pensando no mundo sob o ponto de vista de outras culturas também é muito legal. Um domingo por mês, a rua Aracati Mirim, na Vila Prudente, sedia a Feira Cultural Leste Europeia, com gastronomia e arte de países como Hungria, República Tcheca e Polônia. Confira informações sobre as próximas edições no perfil do Instagram.

Mais Cultura e lazer